Notícias locais

30 de novembro de 2017

Reforma trabalhista


Reforma trabalhista é tema de palestras realizadas no Sincomercio Marília

Duas noites de importantes considerações a respeito do cenário que mudou os rumos do trabalho a partir da reforma trabalhista (Lei nº 13.467/2017). Disso tratou as palestras “Reforma Trabalhista – O que muda para empresas e empregados com as novas regras”, realizadas no auditório do Sincomercio Marília em 24 e 27 de novembro.
Com a presença de mais de 150 pessoas, entre empresários; contadores; assistentes de Recursos Humanos; advogados e público externo, os eventos, promovidos pelo Sincomercio Marília em parceria com a Marinho Advogados Associados, foram conduzidos pelo Dr. Gabriel Calvet, Juiz Federal do Trabalho da 15ª região e por Dra. Patricia Therezinha de Toledo, Juíza Federal do Trabalho em São Paulo.
Nas palestras foram abordadas questões relacionadas às jornadas de trabalho parcial e temporária; banco de horas; férias fracionadas, além da inclusão da jornada intermitente e o Teletrabalho; intervalo intrajornada, demissão em acordo; definição de quais acordos coletivos de trabalho poderão se sobrepor à CLT, entre outros tópicos que foram abordados com intuito de elucidar o público presente sobre os principais aspectos da Reforma Trabalhista que chega para modernizar e flexibilizar a legislação.
Pedro Pavão, presidente do Sincomercio Marília ressaltou a importância das palestras “A Reforma Trabalhista é um grande avanço para o País e que irá impactar de forma positiva as relações de trabalho, bem como a nossa economia. Agradeço imensamente a presença dos juízes que de forma clara e objetiva esclareceram as principais dúvidas sobre o tema”, diz.
“A Reforma Trabalhista trouxe muitas mudanças tanto no direito do trabalhador como no processual. Para nós foi uma honra poder ter contribuído para um evento tão importante que veio para oferecer uma melhor compreensão sobre as principais alterações legislativas que antes eram ponto de discordância para empresários, funcionários e advogados”, ressalta Daniela Marinho, responsável pelo departamento jurídico do Sincomercio Marília.

Voltar para Notícias